Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Meditações... originais

por Teresa Power, em 12.10.15

Hora de oração familiar. Sentados no Canto de Oração, rezamos o terço. Primeiro Mistério Luminoso...

- Eu sei qual é! - Grita a Lúcia, entusiasmada. - O Batismo de Jesus!

A avó, sentada ao seu lado, pisca-me o olho. As avós também servem para "Espírito Santo de orelha", claro...

- Muito bem, Lúcia. E queres fazer a meditação?

- Sim. - A Lúcia pensa um bocadinho e diz: - Jesus, ajuda-nos a batizar-Te!

- Que disparate! - Atalha o David, com ar importante - Mamã, eu faço: Jesus, envia sobre nós o teu Espírito, como uma pomba...

- Ah, pois é, tinha-me esquecido da pomba! Uma pomba linda!

- Pronto, Lúcia, fazes a meditação do próximo mistério! Agora vamos rezar: Pai-Nosso...

Mal acabamos de rezar o primeiro mistério, já a Lúcia, depois de alguns segredinhos com a avó, enuncia o segundo:

- As Bodas de Caná!

- Muito bem. Queres fazer a meditação?

- Sim... Deixa-me pensar... Já sei: Jesus, ajuda-nos a transformar a água em vinho!

Gargalhada geral.

- Cá em casa nem dava muito jeito, que ninguém bebe vinho! - Diz a Clarinha.

- Já viste o que era se todos se pusessem a transformar a água em vinho? - Continua o Francisco, divertido.

Valha-nos o David:

- Mãe, eu faço outra vez: Jesus, ensina-nos a fazer tudo o que Tu nos disseres!

E lá rezamos nós mais um mistério.

Terceiro mistério...

- A pregação de Jesus!

- Boa, Lúcia. E agora?

- Jesus com os braços muito abertos, pregado na cruz...

Mais gargalhadas.

- Lúcia, quantas vezes te explicámos que não é essa pregação? É anunciar o Evangelho!

- Ah...

- OK, Lúcia, amanhã tentas de novo fazer as meditações. Ficas dispensada por hoje!

Lúcia com terço.JPG

Aprender a meditar o rosário leva o seu tempo. Como tudo na vida, precisa de treino, e o treino implica tentativas falhadas mas corajosas. Já viram alguém aprender a nadar com aulas teóricas? Ou sem engolir água? Ou sem apanhar um susto? Hoje, a Lúcia arriscou muito... Mas dentro de dois anos terá a rapidez mental do David para fazer as meditações - curtas frases que nos ajudam a oferecer o mistério e a oração ao Senhor!

 

"Procurai e achareis; pedi e recebereis; batei à porta e abrir-se-vos-á. Porque todo o que procura, encontra; e o que pede, receberá; e ao que bate, abrir-se-á." (Lc 11, 9-10)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:00


4 comentários

De Bruxa Mimi a 12.10.2015 às 08:09

Ó Lúcia, como te compreendo! Se soubesses os anos que eu levei a perceber que a Belém onde Jesus nasceu não era a Belém ao pé da estação de comboio com o mesmo nome, aqui em Portugal... Todos nós fazemos confusões!

Uma boa semana para todos!

De Teresa A. a 14.10.2015 às 13:28

Nota-se muito que nao vinha ao blog há uma semana? (Estivemos de férias...)
;-)
Vai ter de aguentar uma série de comentários...
Este post é tao, mas tao belo!
Puseste mesmo o dedo na ferida: Já viram alguém aprender a nadar com aulas teóricas? Ou sem engolir água?
A passagem do Evangelho é uma das minhas preferidas, mas tinha-me esquecido dela. Pois é, o nosso (meu) problema é que a gente se esquece de procurar, pedir e bater à porta. E depois queixamo-nos de que nao encontramos, nao recebemos, nao nos abrem a porta.... Afinal é tao fácil!
Ontem aconteceu-nos uma história deste género (salvo seja): estávamos a passear na praia de Palma, a fazer tempo para irmos apanhar o aviao de regresso para a Alemanha, e o meu marido estava aflito para ir à casa de banho. Atrás dos balneários da praia (sao 15, se nao me engano) viu um sinal de um homem numa porta e pensou que poderia ser uma casa de banho. Foi até lá mas a porta estava fechada à chave. Ele pensou que seria preciso pedir a chave no bar da frente, mas para isso teria provavelmente de consumir algum produto (bebida ou comida), o que ele nao queria fazer. Assim sendo, lá foi aguentando o passeio de mais de uma hora.
Quase de regresso ao carro, viu que nao ia aguentar até chegarmos ao aeroporto, e eu, vendo-o já desesperado, disse-lhe para ir ao bar do balneário que tínhamos à nossa frente e que fosse perguntar se tinham uma casa de banho que pudesse usar. E nao é que a tal figura de um homem era mesmo uma casa de banho pública, grátis? O que tinha acontecido anteriormente é que devia estar alguém lá dentro e por isso a porta estava trancada.
Eu sei que a história parece palerma, mas demonstra bem que nós muitas vezes sofremos desnecessariamente! No caso do meu marido foi por vergonha de ir perguntar.
Quantas vezes nós nao pedimos e procuramos por vergonha do Pai, por nos sentirmos pecadores?

De Teresa Power a 14.10.2015 às 14:20

Nota-se sim, que não vinhas ao blog há uma semana!!! Estava quase para te mandar um mail a perguntar se acontecera alguma coisa :))) Continua a caminhar com esse passo de gigante, Teresa, e verás que Deus não Se deixa vencer em generosidade! Bjs!

De Helena Le Blanc a 16.10.2015 às 21:32

Ola Teresa

Tenho um comentário a este post do facebook :

"Natália Simões - Concordo plenamente. Nasci no seio de uma Família Cristã; no entanto, só fiz a Comunhão aos 11 anos e fui autorizada (mandada) pelo Sr. Bispo que fazia os exames. Como eram as crianças todas juntas e eu, respondia a todas as perguntas, tanto da 1ª como da Comunhão Solene, às tantas o Sr. Bispo perguntou quem era a minha catequista e disse-lhe "tire-me esta rapariga daqui, que não dá hipótese aos outros de responder, e faz já a Comunhão Solene, pois está mais do que preparada. Assim foi. Desde essa altura, dediquei-me a conhecer melhor a vida de Jesus, de Sua Mãe e de todos os Santos. A MAIOR CERTEZA QUE EU TENHO, É A EXISTÊNCIA DE DEUS e que ELE nos ouve e atende, tal como nos mandou dizer pelo seu Filho Amado, Jesus - Batei e abrir-se-à pedi e recebereis."

Respondes que eu faço copy /paste da tua resposta para o facebook ?

Um abraço

Comentar post




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds


livros escritos pela mãe

Os Mistérios da Fé
NOVO - Volume III

Volumes I e II



Pesquisa

Pesquisar no Blog  


Arquivos

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D