Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Oração, jejum e boas notícias!

por Teresa Power, em 25.07.14

Hora do conto. Leio ao David uma história sobre Santa Isabel da Hungria, no nosso livro de lendas e Contos Cristãos. Isabel cresceu num meio hostil, mas soube dar testemunho da sua fé até à morte! Quando deito o David, ele tem uma pergunta para fazer:

- Mamã, como é que Isabel aprendeu a ser santa, se não tinha a seu lado uma mãe para a ensinar?

Fico a pensar um bocadinho. O David faz-me pensar muito! Depois respondo:

- Às vezes, Deus não precisa das mães para ensinar os meninos a serem santos. Ele mesmo Se encarrega de os ensinar! Assim, quando Deus vê que um menino tem um coração muito bonito, mas não tem ninguém para o ajudar, Deus faz um pequeno milagre e ensina a esse menino tudo sobre Jesus.

- Ah, entendo... Ainda bem! Mas eu gosto que tu me ensines muitas coisas. É mais fácil assim.

E com um beijo, o David fecha os olhos para dormir.

 

 

Hoje, a Igreja do oriente pede a todos os cristãos um dia de jejum e oração pela paz no Médio Oriente. Tantos inocentes a morrer na guerra, tantos cristãos perseguidos e torturados pela sua fé em Cristo! Como Santa Isabel da Hungria, da história do David, muitos tornam-se santos nos ambientes mais hostis que podemos imaginar.

 

Como irmãos, filhos do mesmo Pai, como membros do mesmo Corpo, precisamos de unir as nossas orações e os nossos esforços e trabalhar pela paz, dom de Deus. Façamos então uma oração mais cuidada em família, ajudemos as crianças a renunciar a qualquer coisa de bom, e sejamos nós capazes de fazer o mesmo, segundo a nossa capacidade. É o nosso sangue também que é derramado nas ruas de Gaza e da Síria, pois somos família de sangue - no Sangue de Jesus!

 

Ontem, a Igreja recebeu uma boa notícia: Meriem Ibrahim, a mãe e médica sudanesa condenada à morte por ser cristã, e libertada recentemente, foi recebida no Vaticano e abençoada pelo Papa Francisco. Já está a caminho da liberdade, a caminho dos Estados Unidos, mas não quis partir sem esta bênção...Que grande mulher, Meriem! Com quem aprendeu ela a santidade? Quem lhe deu o dom da fortaleza e a coragem para lutar até ao fim? Quem a ajudou durante o parto da sua menina, no chão sujo da prisão, com os pés acorrentados, ao ponto de não conseguir abrir as pernas o suficiente e a criança ter nascido lesionada? Quem, David? O próprio Deus... Pois Jesus já nos prometera:

 

"Quando vos entregarem, não vos preocupeis em saber como ou o que haveis de dizer; porque naquela hora vos será inspirado o que deveis dizer. Não sereis vós que falareis, e sim o Espírito do Pai que falará por vós." (Mt 10, 19-20) E profetizando sobre o que realmente aconteceu a Meriem: "O irmão entregará à morte o irmão; o pai entregará o filho. Todos vos odiarão por causa do meu nome, mas quem perseverar até ao fim será salvo." (Mt 10, 21-22)

 

O Papa agradeceu a coragem de Meriem, e Meriem agradeceu as orações do Papa,de toda a Igreja e todos os homens de boa vontade. Vitória do Reino de Deus sobre os reinos da terra, vitória da oração, vitória da justiça e do amor, pelo menos desta vez! Um dia, sabemos, a vitória será completa. Até lá, acompanham-nos as palavras de Jesus:

 

"Ide, pois, fazei discípulos meus em todos os povos, baptizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a observar tudo quanto vos mandei. Eis que Eu estou convosco, todos os dias, até ao fim do mundo." (Mt 28, 19-20)

 

Ámen!

(imagem retirada de NBCNews)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:35


2 comentários

De ana santos a 25.07.2014 às 22:39

Num livro que estou a ler," O menino escondido de medjugorje", aparece várias vezes referido como Maria, a nossa mãe e também mãe dos nossos filhos, auxilia o coração atribulado dos nossos filhos quando nós lhos entregamos, deste modo auxiliando-nos a nós também. É muito reconfortante saber que temos uma ajuda da nossa Mãe, para educarmos os nossos filhos.

De Teresa Power a 25.07.2014 às 23:13

É um livro magnífico, Ana! Sim, que seríamos nós sem a Mãe? Jesus sabia bem o que fazia, ao dar-nos Maria por Mãe! A Ana tem toda a razão: Ela está lá, mesmo escondida, ensinando aos pequeninos o segredo da santidade...

Comentar post




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds


livros escritos pela mãe

Os Mistérios da Fé
NOVO - Volume III

Volumes I e II



Pesquisa

Pesquisar no Blog  


Arquivos

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D